Arquivos de Tag: Windows 8

Acabou o Windows Xp. O que faço?

xpNesta terça, 8 de abril, cessa todo e qualquer suporte da Microsoft ao veterano Windows Xp, aí incluídas atualizações de segurança. Ou seja, a partir daí, centenas de milhões de computadores mundo afora estarão mais vulneráveis a ataques externos. Mais ainda: os programas que hoje rodam com o Windows Xp provavelmente não incluirão, em futuros releases, suporte para o Xp.

E você, ainda tem um desktop ou um notebook que roda com o Xp? O quê fazer?

Antes de mais nada, salve todos os seus arquivos de dados, aí incluídos textos, planilhas, apresentações, fotos, vídeos e o que mais tenha por lá. Pode ser que seu computador nem seja tão antigo assim, pois muita gente que comprou máquina com o Windows Vista -o sucessor do Xp- fez uma atualização reversa para o antecessor, mais rápido e confiável.

Migrar para o Windows 7 ou 8? Parece ser uma saída extrema, pois a maioria das máquinas projetadas para o Xp ou Vista não vão rodar de forma eficiente com esses sistema operacionais, mesmo que atendam aos requisitos mínimos de memória, processador e disco. Pode ser que nem sejam compatíveis, e isso o site do Windows vai esclarecer. Mas não vale a pena.

Mas aí existem programas e periféricos que não vão ser compatíveis com versões acima do Xp, e você ainda os utiliza. Eu, por exemplo, tenho um scanner para negativos e diapositivos de 35mm que usei para converter minhas antigas fotos para o meio digital, e ele não roda em Windows Vista, 7 e 8. Solução? Usar essa CPU só com essa finalidade esporádica.

Sobram ainda milhões de dispositivos específicos, como terminais de caixa de banco, de supermercados, catracas eletrônicas, aparelhos de diagnóstico médico e muitos outros aparelhos dedicados. Mas esses, via de regra, ou estão desconcertados ou fazem parte de uma rede cabeada privada, onde os especialistas cuidarão de sua integridade até a substituição.

Então, se você tem esse desktop ou notebook com Windows Xp conectado à internet ou recebe arquivos externos via CD, DVD ou pen-drive, aja rápido para não ter problemas. A partir do dia 8, eles serão o paraíso dos piratas digitais.

Bem-vindo de volta, botão “Iniciar”!

Para a quase totalidade dos habitantes da Terra que já teve um primeiro contato com computadores  ele se deu através do Windows. Para todas essas pessoas, virou algo automático, desde sempre, ligar a máquina, ir com o mouse no canto inferior esquerdo e clicar no ícone IniciarÊta botãozinho onipresente!

Mas o tempo passou, novas versões do sistema operacional da Microsoft foram surgindo, até chegar ao Windows 7. E o Iniciar lá no lugar de sempre.

O mundo da tecnologia evoluiu, surgiram os tablets e smartphones e a Microsoft não podia ficar de fora dessa onda. Mas os dispositivos mais populares com tela sensível ao toque não tinham o tal ícone. Mais e mais gente se iniciou sem o Iniciar.

No redesenho radical que chegou com o Windows 8, em outubro de 2012, o Iniciar não estava mais lá. Protestos e reclamações dos usuários aos montes!

Entendida a necessidade de convergir sistemas operacionais de computadores tradicionais e de dispositivos móveis, para melhorar a integração e a compatibilidade entre eles, e aceitas as sólidas justificas técnicas para a nova interface, a voz do povo falou mais alto.

E a Microsoft prepara-se para lançar o Windows 8.1. As novidades devem ser apresentadas agora em junho, num evento para desenvolvedores, mas, de forma antecipada, a companhia anunciou nesta quinta, 30/5, a volta do botãozinho.

Claro que a novidade bombou pelas redes sociais, com as acirradas polêmicas sobre um detalhe aparentemente menor no funcionamento de um aparelho digital. Os a favor do botão dizem que sempre foi assim, mudar por quê? Os do contra, argumentam que todo o mundo conectado vive bem sem o Iniciar e que quem quer ou é atrasado ou vai se acostumar sem, questão de tempo…

A polêmica vai perdurar para além do evento de junho até bem depois das primeiras instalações com o Windows 8.1 estarem nas máquinas dos usuários. Para os curiosos com temas ligados de tecnologia vale a pena conferir as explicações oficiais sobre o desaparecimento e a volta do botão.

Eu acho que a pressão dos usuários de sempre do Windows pesou na decisão. Estou curioso para ver como o 8.1 vai ser recebido. São os dilemas sobre um produto de sucesso! 

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: